Tudo para Um – Quinto Aniversário

 

“A vida só pode ser compreendida olhando-se para trás; mas só pode ser vivida olhando-se para frente.” (Soren Kierkegaard)

A aurora de mais um ano sempre traz recordações e reflexões, introspecções, na esperança de dias melhores no ano que alvora. O ano que se foi – 2016 –, para mim, foi de muito estudo, muitas experiências marcantes, e escrever aqui se tornou uma tarefa difícil. Dentre as experiências deste ano que passou, a de maior alegria foi testemunhar e ser padrinho do casamento da minha irmãzinha, Melina, com seu amado, Augusto (pessoa melhor não haveria).

Hoje, alvoreceu um novo ano, e os primeiros raios de sol trouxeram consigo um majestoso coral, em louvor ao Deus Trino. Talvez nunca houvesse ouvido tantos pássaros cantando, numa doce conversa, em um amanhecer como hoje, em louvor a um novo dia, um novo ano que nascia. Não há como não lembrar as palavras do salmista:

“Os céus declaram a glória de Deus; o firmamento proclama a obra das suas mãos. Um dia fala disso a outro dia; uma noite o revela a outra noite. Sem discurso nem palavras, não se ouve a sua voz. Mas a sua voz ressoa por toda a terra, e as suas palavras, até os confins do mundo.” (Salmos 19:1-4)

Lembrei-me, também, de um dos hinos que mais gosto, “Santo, Santo”, hino número 9, do Cantor Cristão, que diz em sua primeira e última estrofe:

Santo! Santo! Santo! Deus onipotente!

Cedo de manhã cantaremos teu louvor.

Santo! Santo! Santo! Deus Jeová Triúno,

És um só Deus, excelso Criador.

[…]

Santo! Santo! Santo! Deus onipotente!

Tuas obras louvam Teu nome com fervor.

Santo! Santo! Santo! Justo e compassivo,

És um só Deus, supremo Criador.

Então, somo-me hoje, hoje, a este coral, que rende louvores ao Deus Santíssimo, e aos serafins que clamam “Santo, Santo, Santo é o Senhor dos Exércitos; toda a terra está cheia da sua glória.” (Isaías 6:3), pois hoje, além da alvorada de um novo ano, completa-se cinco anos que aqui escrevo. Dou graças a Deus por esta oportunidade que se renova de proclamar, por este meio, a minha completa rendição a Ele, como escravo de Cristo, nas palavras que nomeiam este blog: Tudo para Um. Que toda honra, glória e louvor sejam dados ao Único que deles é digno! Soli Deo Gloria!

Igualmente, sou grato a Deus, por um sexto ano que se inicia, para o Tudo para Um, para proclamar as velhas verdades de Seu Evangelho, para proclamar o Cristo crucificado e ressurreto. Meu desejo, do ano que passou, de escrever com mais frequência, e escrever textos em forma de devocionais, mais claros, textos baseados nas Escrituras, embora saiba que tenho um longo ano de muitas atividades e de muitas disciplinas a serem pagas na universidade.

Finalmente, que este ano seja, para ti, leitor, um ano de graça e paz. Se tiveres a Cristo, que, pela graça de Deus, possas crescer no amor e no conhecimento d’Ele, que sigas na santificação, sem a qual ninguém O verá (Hebreus 12:14), olhando sempre à frente, com olhos fitos na eternidade. Mas se te falta fé em Cristo, apressa-te em conhecê-Lo; que, como o povo de Israel, no deserto, que ao olhar para a serpente de bronze hasteada, tinha vida (Números 21:8), olhes, tu, para o Cristo crucificado e tenhas vida, pois “ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e moído por causa das nossas iniquidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados.” (Isaías 53:5).

 

Soli Deo Glória! Glória somente a Deus! Feliz 2017!

 

Tarciso Rodrigues Martins.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s